Por que o seu conhecimento está te atrapalhando?

Deixa eu adivinhar algumas coisas sobre você: Você é uma pessoa que estuda muito, está sempre renovando conhecimento, lê livros, participa de masterminds, faz um curso atrás do outro e recentemente baixou um novo e-book? Você está lendo esse artigo para adquirir um conhecimento que ainda não tem?

Acredito que eu acertei menos em partes, não é mesmo?

Agora, vou tentar adivinhar um outro segredo: mesmo com tanto estudo, com tantas leituras, palestras assistidas, e tantas outras coisas, você não sabe como aplicar todo conhecimento absorvido e se perde, investe em aprendizado que não dá retorno e ainda se sente como ignorante diante de tantas informações novas que surgem constantemente.

Entenda que isso acontece com todo mundo. Eu já passei por essa situação e quero te ajudar a fazer com que seu conhecimento seja seu maior aliado na construção de autoridade.

 

Aceite, que doí menos

Faz parte do ser humano consumir informações novas o tempo todo. Nunca uma quantidade de informações é boa o suficiente, e aquele conhecimento que era novidade em um primeiro momento, já se torna obsoleto em questão de minutos.

Informação é um bem que se renova, que não é estático e que possui um grande poder de ajudar a todos na dosagem certa mas que, em excesso e sem filtro, causa confusão e não gera ação alguma que converta em resultados.

Para que essa situação mude, o primeiro passo a ser dado é aceitar que todo conteúdo, para ser transformador, deve ser aplicado!

Enquanto uns se acomodam com a quantidade de livros lidos, número de eventos assistidos e com o número de cursos presenciais e online já realizados, o ideal é aplicar um conhecimento antes de adquirir um novo. Assim, não há confusão, dispersão de conhecimento, e os objetivos são mais simples de serem alcançados.

 

3 passos para aproveitar ao máximo o conhecimento

Cada pessoa possui uma forma de lidar com o que aprende. Seja aplicando logo no primeiro contato com o conteúdo, planejando uma melhor forma de tirar do papel e partir para a ação, postergar até que a necessidade chegue, enfim, são muitos os caminhos que o conhecimento trilha. No entanto, existem três passos que permitem que cada informação consumida converta em bons resultados!

Conhecimento

1 – Anotar

Simples não é mesmo? Tão simples que muitas pessoas deixam de fazer isso e se encontram em estado de confusão total, sem saber o que fazer com as informações que recebeu de cursos, livros, eventos, vídeos assistidos, dentre outros.

É mais difícil de se lembrar de algo que não está anotado, ou seja, as anotações fazem com que a memória seja registrada não somente no cérebro, mas em um bloco de anotações que é acessível e pode conter as informações mais cruciais em um momento em que a memória não estiver tão afim de colaborar.

 

2 – Releia o que foi anotado

Óbvio novamente, não é mesmo? Então me responda, qual foi a última vez que você tocou naquele caderno daquele curso que você fez no início do ano? E se você pegasse nele para ler agora, você saberia dominar todo assunto que você aprendeu naquela época?

Por esta razão, reler anotações é sempre importante, para que o conhecimento se renove e se refresque. O ideal é ler logo depois que anotou, e fazer desse hábito uma atitude constante.

 

3 – Aplique o que aprendeu

Quer ter sucesso com tudo que aprende em um curso? Simplesmente aplique o que você aprendeu.

Adquirir um conhecimento apenas por questão de conhecimento, é uma oportunidade grande para o fracasso.

Faz parte da vida de um empreendedor digital se expor para novos conhecimentos no intuito de adquirir uma nova habilidade. Ele não quer apenas em aprender algum conceito novo por conhecer, mas, consumir algo que possa influenciar na alta performance, resultando em um melhorias pessoais e profissionais.

Hoje em dia, um conhecimento real é aquele que é colocado em prática. Sem isso, qualquer informação sem prática se torna descartável.

 

Dica extra

Já falamos aqui sobre o real poder de uma anotação. Sempre que for a um evento, palestra ou curso, e até mesmo ler um livro, faça anotações. Tenha um lugar, seja ele um caderno, um bloco de notas ou alguma ferramenta digital para anotar o conhecimento adquirido.

Sabe aquele momento em que você está em um treinamento e do nada surge um insight incrível a partir de uma informação que o palestrante está transmitindo? Aquela ideia que surge repentinamente, e não anota? Esses insights, se não anotados, também podem ser esquecidos.

Por serem,ideias que surgem a partir de um contexto, mas que atuariam em um outro contexto, é interessante anotar os insights em um lugar separado das anotações comuns.

Uma dica que funciona, é virar uma página, criar o cabeçalho “Insights para o negócio a partir do treinamento”, ou “tarefas para fazer”, e revisar na releitura das anotações, aplicando assim que possível.

Essas ideias surgiram a partir de uma conversa que eu tive com o meu amigo Vitor Ribeiro, especialista em aprendizagem acelerada. Esse vídeo está disponível no meu canal. Assista e inscreva-se para receber as notificações!